quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Como ver, ouvir e sentir os nossos anjos

Autor: Theresa Cheung
Edição: 2012, Março
Páginas: 232
ISBN: 9789896572594
Editora: Planeta

Sinopse:
Cada vez mais pessoas se sentem tocadas por anjos ou acreditam neles.
Mas o que são ao certo estes «seres de luz» que tanto consolam, curam e inspiram pessoas em todo o mundo?
Por que se dão a conhecer mais do que nunca nos nossos dias?
Como se manifestam?
Como podemos ver ou ouvir anjos e até saber qual é o nosso?
Por outras palavras, como reconhecemos a presença de anjos nas nossas vidas, nos dias de hoje?
Com este guia, a especialista em anjos Theresa Cheung responde a todas estas perguntas e a muito mais.
Este livro ensina a reconhecer a presença dos anjos na vida de todos os dias e a compreender as mensagens angélicas que nos ajudam a escolher isto ou aquilo. Juntamente com informações sobre anjos-da-guarda, arcanjos, espíritos e entes queridos que partiram, podemos também ficar a saber muita coisa sobre a natureza e propósito destas entidades divinas, o que podem e não podem fazer e como chamá-las em tempos de crise.
Quem procura alimento espiritual vai adorar este guia único, que ensina a invocar o poder, a maravilha e a magia dos anjos, hoje e sempre.

A minha opinião:
Em momentos mais sombrios e delicados, em que sinto a minha auto-estima e confiança no mundo que me rodeia ceder um pouco, procuro palavras inspiradoras que nada provam, mas que reforçam a crença de que existe uma entidade espiritual que orienta, conforta e cuida de nós. Crença essa, independente de qualquer religião ou doutrina. Algo para além do que vejo, ouço e sinto e que se pode manifestar por sonhos, coincidencias e pressentimentos desde que estejamos recetivos e em sintonia com os nossos sentidos e emoções (segundo a autora). Seguir o nosso instinto. (Recorda-me:
"A razão dizia-me: faz assim. O coração salvou-me sempre".)

Não é o primeiro livro que leio sobre esta matéria. Nem sequer é o primeiro livro que leio desta autora, mas gosto do modo como organiza, enquadra e expõe  as suas interpretações com definições simples e acessíveis, baseadas na sua fé, experiência pessoal e alguma pesquisa.
Não é um livro (guia) que leia todo de seguida. Gosto de o consultar e ler passagens.
As histórias, algumas que relembro de "Um anjo chamou por mim", tem um papel menos revelante neste livro mas ainda assim, apaziguam e confortam.

Uma leitura agradável, esclarecedora e bastante abrangente sobre os anjos.

Sem comentários:

Enviar um comentário