sábado, 27 de janeiro de 2018

O que dizem os teus olhos

Autor: Florencia Bonelli
Edição: 2017/ dezembro
Páginas: 376
ISBN: 978-972-0-03055-9
Tradutor: Luisa Feijó
Editora: Porto Editora

Sinopse:
Antes de Matilda e Eliah, os protagonistas da trilogia Cavalo de Fogo, houve um amor maior nascido no deserto árabe…

Argentina, 1961. Francesca de Gecco é uma jovem de 21 anos, filha de imigrantes italianos. Embora a sua família seja humilde, com a ajuda de um parente rico Francesca recebe uma educação primorosa e inicia uma brilhante carreira de jornalista. No entanto, vítima de uma terrível deceção amorosa, que somente o tempo e a distância podem curar, a jovem jornalista aceita um cargo de secretária na embaixada argentina em Genebra, cidade que será apenas a primeira etapa de uma jornada especial.

A vida é generosa para com o coração de Francesca e oferece-lhe uma nova oportunidade para o amor: do outro lado do mundo, os palácios mais deslumbrantes do deserto árabe, conhecerá Kamal Al-Saud, um príncipe herdeiro da coroa saudita. Porém, no meio de tantos obstáculos, conseguirá Francesca ultrapassar as diferenças entre ela e Kamal e abraçar a felicidade?

A minha opinião:
Para almas românticas e sonhadoras não há melhor do que os livros de Florencia Bonelli. Para os outros também não. Os que pretendem um bálsamo para as amarguras da vida, e instantes de puro devaneio e idílio. 

Kamal Al-Saud é nobre, Francesca bela, mas ambos têm facetas humanas que não passam despercebidas ao leitor. A sua história de amor é o principal motivo de interesse, mas não é o único. As intrigas políticas, as diferenças de culturas e a aventura perigosa que enfrentam são outros dos motivos. As descrições de lugares e sítios que fazem parte do imaginário, ganham vida aos olhos do leitor. Enfim... boas razões mas nada invulgares, se não fosse a narrativa vibrante e apaixonada e o carisma das personagens com pontuais episódios de sexo arrebatado, que a escrita de Florencia consegue fazer brilhar. Fico sempre estupefacta por me deliciar com os seus romances, quando penso que já ultrapassei essa fase mais etérea.

Nem tudo são elogios porque neste romance fiquei um pouco desiludida com o não desenvolvimento contra o rei Saud e Tariki em represália ou vingança. Bem sei que foram punidos mas, não foi explicado como foi conseguido.

O que dizem os teus olhos é uma frase batida mas é um bom título para este romance. Também eu fiquei presa a este encantamento.

Sem comentários:

Enviar um comentário