sábado, 28 de setembro de 2013

Dias de Paixão

Autor: Sarah Pekkanen
Edição: 2013, setembro
Páginas: 352
ISBN: 9789898626196
Editora: Topseller

Sinopse:
Até onde nos pode levar a paixão?
Quatro mulheres juntam-se com os seus maridos para uma semana paradisíaca na Jamaica, em pleno mar das Caraíbas. O motivo da reunião é o aniversário de Dwight, um amigo dos tempos da faculdade, que de rapazinho tímido e inseguro se transformou num empresário rico e bem-sucedido.

Todas elas anseiam por fugir temporariamente às suas vidas. Tina sente o peso e o cansaço de ser mãe de quatro crianças pequenas. Allie está abalada pela notícia de que uma doença genética degenerativa é comum na sua família. Savannah carrega o segredo da infidelidade do marido. Finalmente, Pauline, a mulher que não olha a despesas para organizar ao seu marido rico aquela festa inesquecível, esconde segredos de Dwight, e espera, com esta semana, reparar as falhas no seu casamento.
O que começa por ser uma semana idílica, com lânguidas horas passadas numa praia privada, jantares gourmet, aventuras radicais e noites de paixão, transforma-se em algo mais profundo com a chegada de uma poderosa tempestade que acaba por atingir a ilha. O grupo ver-se-á envolvido em redemoinhos tumultuosos, forçando cada uma das mulheres a reavaliar tudo o que sabe sobre os seus amigos e sobre si própria, as suas relações amorosas e a paixão. Todas procuram descobrir uma coisa...

A minha opinião:
Refleti sobre o que escrever! 

Apesar de inicialmente a capa e o título não me tentarem, foi a sinopse que fez com que me decidisse a lê-lo.
Escrita coloquial e fluída, sem grandes preâmbulos e descrições, dá-nos uma panorâmica das emoções e sentimentos destas credíveis e realistas mulheres que tem nesta idílica viagem patrocinada por um amigo do tempos da faculdade, o escape perfeito para os seus problemas durante uma semana. A amizade faz com que se confrontem com os obstáculos e esclareçam os equívocos que prejudicavam os seus relacionamentos. Profundos sentimentos recalcados vêem à tona quando nada mais havia para os ocultar, na proximidade e convívio entre quatro casais muito diferentes entre si, depois de um furação no paraíso.

Leitura perfeita para um dia de chuva como o de hoje. Aconchegada e aninhada recuperava de uma semana intensa com uma leitura que quando iniciada, não apetece interromper. Um deleite!

Sem comentários:

Enviar um comentário