quarta-feira, 27 de março de 2019

A Sombra do Passado

A minha opinião:
Romance clássico e intemporal. Às vezes quente e luminoso, às vezes enigmático e sombrio. Os segredos da mãe e as mentiras do pai. As origens de Addie, não reveladas durante quase quarenta anos, até que bruscamente lhe surge à porta. 

O enredo não é muito original, mas a forma como a história é contada a dois tempos, faz toda a diferença. Um bálsamo para a alma. Addie, uma doce criatura. que tudo faz para agradar e evitar o conflito, vê-se a braços com vários dilemas. 

Curioso que o livro Rebecca tenha um lugar de destaque nesta narrativa, o que me fez pensar que o devo ler o quanto antes. Duas mulheres, duas gerações, Elizabeth e Addie, ávidas leitoras. 

No final, a mensagem subliminal neste romance é que devemos sair da nossa zona de conforto, ousar mudar. Como a menina de dezasseis anos, que foi forçada a crescer. E singrou a todo o custo.

Um muito obrigado a boas amigas que me recomendaram este livro, em particular, Cristina Delgado de
o tempo entre os meus livros que o emprestou.

Autor: Nikola Scott
Tradução: Marta Pinho
Edição: 2019/ fevereiro
Páginas: 392
ISBN: 1095579
Editora: Circulo de Leitores

Sinopse:
1958. A bela e inocente Elizabeth Holloway vai passar o verão a Hartland, uma magnífica propriedade no litoral do condado de Sussex, no Sul de Inglaterra.
Para a jovem, os Shaws são um modelo de sofisticação. Contudo, quando Elizabeth se apaixona, ninguém a avisa de que os seus sonhos são perigosamente ingénuos. Quarenta anos mais tarde, a filha de Elizabeth, Addie, encontra uma estranha à sua porta que afirma ser sua irmã gémea. Addie recusa-se a acreditar na declaração - até que o seu pai admite que as circunstâncias do seu nascimento não foram as que ela supõe.
A revelação desafia tudo o que Addie achava que sabia sobre a mulher brilhante e difícil que tinha sido a sua mãe. Agora, ela e a sua nova irmã Phoebe vão descobrir a extraordinária história de uma criança perdida, e o segredo de um verão radioso que mudou a vida de uma mulher para sempre.

Sem comentários:

Enviar um comentário