segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Conta Comigo

Autor: Jorge Bucay
Edição: 2010, Abril
Páginas: 264
ISBN: 9789727119592
Editora: Pergaminho

Sinopse:
«Gaby estava de pé, diante da janela; as ondas do seu cabelo ruivo caíam-lhe sensualmente pelas costas, vestia uma das minhas camisas enquanto tomava um café e olhava para a rua sem ver.
Parecia um quadro, uma beleza perfeita, uma obra de arte fictícia e imóvel. (...)
Pela primeira vez, dei-me conta ao vê-la que aquela mulher inverosímil nunca se daria por vencida.
Gaby, que explicitamente tinha vindo para dizer que queria os papéis do divórcio, lá no fundo nunca aceitaria a nossa derrota... Ou deveria dizer o nosso fracasso...?
Não. Derrota é a palavra.
Porque a nossa relação fora sempre uma batalha, uma longuíssima guerra de anos, que nos custava terminar.»

Quando o amor tem de enfrentar a pressão do dia-a-dia, o peso do tempo e o desgaste do desencanto, será capaz de sobreviver? Se sobreviver, será ainda amor… ou algo ainda mais complexo? E se não sobreviver, será possível voltar a amar? Conta Comigo, o novo best-seller de Jorge Bucay, é um romance comovente e divertido que demonstra como, apesar do passar dos anos, nunca paramos de crescer, de aprender e de evoluir.
Passaram-se vinte anos e Damião, o inesquecível protagonista de Deixa-me Que Te Conte... (Pergaminho, 2004) já tem quase quarenta anos. Há muito tempo que deixou de ter contacto com «O Gordo», o psicoterapeuta que lhe ensinou a enfrentar os dilemas da vida com a magia dos contos. Mas, chegado à meia-idade, Damião entra em crise. O seu casamento falhou e tem de começar uma nova vida. Por motivos profissionais, vê-se obrigado a sair do seu país, a relação com a sua família dá uma reviravolta e aparece na sua vida uma mulher muito importante... Damião volta a procurar a ajuda de Jorge mas, desta feita, terá de confiar mais nos seus próprios recursos.

A minha opinião:
Há livros que parece que não somos nós que os escolhemos, mas eles que nos encontram. Este surgiu no momento certo.
Através da história do Damião, que procura o seu psicoterapeuta "Gordo" para compreender e superar o desassossego que o aflige, percebi que a narrativa e os diálogos ora sérios, ora divertidos, me envolviam e não estava a ler apenas para me distrair ou sonhar.
Os maravilhosos contos do "Gordo" me impeliram para alguma introspecção e reflexão sobre afectos, relações/ "ralações", escolhas, bloqueios/ medos. O modo como vivemos.
Penso, que muito do que li guardei para sempre recordar. Este livro não me deixou indiferente.

Sem comentários:

Enviar um comentário